RSS

Alfabetização e o mistério da palavra

Já nas crianças percebe-se o desejo de desvendar o mistério da palavra seja escrita ou falada.
Quando eu era criança, pensava que lia, imaginava o que estava escrito e saía contando histórias, que eu, na verdade, ainda não conseguia ler.
O analfabetismo, na vida de jovens e adultos, em especial, é a privação de uma parte do universo, do mundo que está que está escrito e até mesmo falado. Quando a leitura é praticada, novos vocábulos e seus significados aparecem a cada dia, enriquecendo a comunicação.

Vou contar um caso:
Em uma ocasião conheci uma senhora que pregou o evangelho para mim. Ela falava bem, fazia referências às passagens da Bíblia e tinha um discurso bem construído. Com o tempo, nos tornamos amigas. Um dia, ela me contou a história de vida dela. Veio da roça e foi morar na cidade do Rio de Janeiro, aos 17 anos. Não sabia ler e nem escrever. Começou a trabalhar como empregada doméstica.
Tempo depois, se converteu ao Protestantismo, e queria saber com seus próprios olhos o que estava escrito na Bíblia. Decorava os versículos e sempre pedia a algum irmão da igreja mais esclarecido para dizer quais eram as letras, como se formavam as palavras. Desenvolveu uma técnica de aprendizagem própria para aprender a ler e a escrever. Pedia a esses mesmos irmãos para copiarem os versículos da Bíblia, em folhas de papel e repetir o que estava escrito e ela tentava memorizar. E em suas horas vagas, ela copiava o que estava escrito. Assim foi aprendendo a ler e a escrever através das Escrituras Sagradas.
São vários os casos de pessoas que aprendem a ler utilizando a Bíblia.
Na Internet, encontrei o site:
www.alfabetizaçãopelabíblia.com.br. O site tem o método, testemunhos e artigos sobre o tema.
Na época da Reforma Protestante, Martinho Lutero percebeu que a interpretação das Escrituras seria um fator diferencial para os Cristãos. Era preciso vencer à ignorância das pessoas, permitindo a cada um, sabendo ler e escrever, interpretar as Escrituras. O livre exame da Bíblia poderia legitimar os argumentos dele em relação a Igreja. A leitura e interpretação da Bíblia deviam ser feitas sem intermediários...
Na Europa, a Reforma Protestante, teve grande participação no aumento das taxas de alfabetização da população. O objetivo da Reforma era religioso, mas na medida em que estimulou a leitura, atingiu a outros setores de alguma maneira. Segundo Lutero “para cada comunidade, uma escola”.
Sabendo ler e escrever, praticando a leitura, fica mais fácil interpretar as situações e construir nossas próprias idéias sem que fiquemos atrelados ao pensamento errôneo de alguém. Eu digo isso sempre aos meus alunos.
Faz parte do SONHO, que espero realizar, alfabetizar no norte fluminense, onde moro, ou/ e Alagoas.
P.S. Dia 18, 19,20...contra o analfabetismo!!

3 comentários:

Perfumes disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Claudia Pit disse...

Oi querida, estou sumida porque estou me recuperando de uma forte gripe.. sem contar que agora que tive alta médica estou recuperando os dias perdidos e quase não sobra tempo pra acessar a net...

Enfim, vim saber como estão as coisas e te desejar um maravilhoso final de semana

bjs
Cláudia Pit

Adelino disse...

Viviane, cadê você, cadê?...
Grande abraço e boa semana.